Famato abre 24ª Semana da Agronomia da UFMT

Post Image

O presidente do Sistema Famato Normando Corral participou segunda-feira (23/10) da abertura da 24ª Semana da Agronomia promovida pela faculdade de Agronomia da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT). Estudantes e profissionais da área participam do evento que vai até sexta-feira (27/10), no auditório Helmut Forte Daltro (conhecido como batatão).

O tema deste ano é “Do campo à mesa: desafios e perspectivas”. O objetivo é ampliar a visão dos estudantes e proporcionar novas oportunidades profissionais, incentivando a carreira dos engenheiros agrônomos.

Em sua palavra de abertura, Corral destacou o que diferencia as gerações nos dias atuais. “Na minha geração e nas que me antecederam, nosso objetivo era expansão agrícola, com a abertura de novas áreas para produzir. Para a atual geração, o foco é a expansão agrícola por meio do conhecimento”, comparou.

Corral falou sobre a importância de aliar produção e preservação ambiental. “Nós, produtores, e os profissionais do agro temos a preocupação com o meio ambiente, pois é ele a nossa via de trabalho. Temos que protegê-lo. Queremos o diálogo baseado na técnica e, principalmente, na ciência. E vocês, futuros agrônomos, são responsáveis em se dedicar a esta ciência”.

O professor da UFMT e um dos organizadores do evento Carlos Caneppele disse que a semana é uma boa oportunidade para os estudantes trocarem informações com os profissionais que já atuam no mercado de trabalho.

O curso de Agronomia da UFMT existe há 43 anos e já formou quase dois mil profissionais que hoje atuam em diversas áreas, informou a coordenadora do curso Aline Regina Piedade. “A Semana da Agronomia é uma oportunidade de aumentar o nosso contato com os colegas, profissionais, e fortalecer as parcerias com as entidades, por exemplo, a Famato”.

Na programação constam palestras sobre assuntos específicos como: Integração Lavoura-Pecuária-Floresta (ILPF), controle integrado de pragas, restauração de áreas preservadas, armazenamento de defensivos agrícolas, adubação, biotecnologia aplicada à produção de etanol de cana-de-açúcar, entre outros assuntos.

Na terça-feira (24/10), às 16h30, o gestor técnico do Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea) Ângelo Ozelame fará uma palestra sobre “Comercialização de commodities agrícolas – perspectivas da produção nacional”.

Além das palestras, haverá mini-cursos e visita técnica a uma fazenda experimental da UFMT.