Sistema Famato
FAMATO
IMEA
       
Fale Conosco
 
   
 
 
08 de Jun de 2021

voltar
 
INDÍGENAS E PEQUENOS PRODUTORES
Parceria garante incremento na cadeia produtiva da apicultura
 
Governo de Mato Grosso
 

A união do Governo de Mato Grosso, Sindicato Rural de Primavera do Leste e Serviço Nacional de Aprendizagem Rural de Mato Grosso (Senar-MT) garante treinamentos para capacitar os índios Xavantes da terra indígena Grande Sangradouro. Eles estão investindo na cadeia produtiva da apicultura. De acordo com a mobilizadora do Sindicato Rural de Primavera do Leste, Cassia Isabela de Oliveira Souza, o conteúdo disponibilizado aos 15 participantes será repassado aos demais integrantes da comunidade indígena.

A mobilizadora conta que esta parceria entre Senar-MT, Sindicato Rural e os indígenas existe há três anos e é intermediada pela Cooperativa Rural de Primavera do Leste. "Percebemos a necessidade de capacitação para os indígenas. Buscamos os treinamentos e as aulas práticas foram feitas com as 90 caixas de mel doadas pelo Governo do Estado, por meio do projeto Programa MT Produtivo - Apicultura".

Cassia acrescenta que o Senar-MT tem a projeção de realizar outros cursos de capacitação junto à comunidade indígena. "Um deles será o de mecanização agrícola".

O cacique Bartolomeu Patira, da comunidade da Aldeia Sangradouro, elogiou o incentivo que os indígenas têm recebido para desenvolver a apicultura na região. "Não podemos ficar parados no tempo. Temos área suficiente e o mais importante: interesse em produzir mel e, portanto, é de muita valia esse apoio que temos recebido", complementa o líder.

Programa MT Produtivo-Apicultura

O Governo de Mato Grosso, por intermédio da Secretaria de Estado de Agricultura Familiar (Seaf), e da Superintendência de Assuntos Indígenas, ligada a Casa Civil, entregou 90 caixas de mel aos índios Xavantes da terra indígena Grande Sangradouro, em Primavera do Leste. A entrega, realizada no fim de maio visa incluir a comunidade indígena na ação governamental de fortalecimento da apicultura. A ideia é aumentar nos próximos anos a produção de mel, passando dos atuais 471 toneladas de mel/ano para 651 t/a.

Esta ação integra o programa MT Produtivo - Apicultura, que prevê a disponibilização de 6 mil caixas de mel para agricultores familiares e também indígenas de todas as regiões do Estado até o final de 2021.

Além da comunidade indígena, produtores familiares que já atuam na atividade apícola, porém com baixa produção ou para consumo próprio, também estão sendo beneficiados com a doação de caixas de mel.  No total 714 caixas de mel já foram entregues nas cidades de Cuiabá, Confresa, Nortelândia, Porto Esperidião, Canarana, Vera, Querência, Primavera do Leste e Barão de Melgaço.

O superintendente do Senar-MT, Francisco Olavo Pugliesi de Castro, popularmente conhecido como Chico da Paulicéia destaca que a instituição contribuirá com este projeto capacitando os interessados em desenvolver a atividade. "Já temos sete cursos programados para os próximos três meses". Estes treinamentos acontecerão nos municípios de Novo Horizonte, Paranatinga, Portal do Araguaia, São José dos Quatro Marcos, Rondonópolis, Poconé e Nova Mutum.

Os interessados nos treinamentos ofertados pelos Sindicatos Rurais e Senar-MT devem procurar o sindicato de seu município para ver se há turmas previstas e se há vagas.



Fonte: Governo do Estado de Mato Grosso/Senar-MT
 

VEJA TAMBÉM
Sindicato rural e Senar-MT capacitam indígenas em Campo Novo do Parecis
Sindicato Rural, prefeitura de Querência e Senar-MT levam treinamentos para indígenas
Treinamento em Jaciara fomenta criação de Associação de Apicultores
SENAR-MT e parceiros capacitaram 900 indígenas nos últimos três anos
 
Veja mais notícias

Buscar Cursos
 
 POR TIPO DE CURSO
 
 
  POR CIDADE
 
 
 
Formação Profissional Rural
 
 
Promoção Social
 
 
 
 
 
 
(65)3928-4800
SENAR-MT 2014 - Todos os direitos reservados
Política de Privacidade
senar@senarmt.org.br
 
Rua Eng. Edgard Prado Arze, sn, Qd 01
Setor A - Centro Político Administrativo
CEP 78.049.015 - Cuiabá-MT