Sistema Famato
FAMATO
IMEA
       
Fale Conosco
 
   
 
 
10 de Ago de 2020

voltar
 
TECNOLOGIA
Curso de drones do Senar-MT se destaca na capacitação de mão de obra na área tecnológica
 
Divulgação
 

A tecnologia está presente no campo de diversas maneiras e tem sido uma importante aliada do produtor rural. Acompanhando essa evolução, o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural de Mato Grosso (Senar-MT) tem disponibilizado em seu portfólio diversos treinamentos voltados para capacitação de mão de obra na área tecnológica. O curso de drones é um exemplo dessa inovação.

Ofertado pelo Senar-MT em parceria com os sindicatos rurais, o treinamento de Operação de aeronave remotamente pilotada - Drone - asa rotativa, tem carga horária de 24 horas e o objetivo de ensinar o participante como realizar a operação de uma aeronave remotamente pilotada.

Outro curso é o de Operação e manutenção de aeronave remotamente pilotada - Drone - e sensoriamento remoto com carga horária de 40 horas. É uma continuação do treinamento de 24 horas e tem o objetivo de mostrar como se faz a operação e manutenção básica de aeronave remotamente pilotada - RPA/DRONE - entendendo a aplicação do sensoriamento remoto.

Estudante de Engenharia da Computação, Mailon Bruno Pedri de Campo, viu no curso de drone a oportunidade de aprofundar seus conhecimentos adquiridos em paralelo com o seu curso de graduação. "Meu interesse pelo treinamento foi pela novidade da área, que ainda carecia de profissionais capacitados. Além de apresentar conteúdos da área que eu já estudo".

Morador do município de Carlinda, Mailon, acredita que o curso é essencial para a região. "Apresentando essa ferramenta para os produtores rurais, abrirá um leque de possibilidades de utilização". Mailon conta ainda, que está desenvolvendo um software para a utilização de drones na região. "Estou trabalhando em parceria com outro participante do curso.  A ideia é utilizar o drone para contabilizar rebanhos em propriedades locais".

Para o instrutor credenciado junto ao Senar-MT, Paulo Roberto Filho, a tecnologia dos drones já está consolidada no mercado, mas o déficit é justamente no investimento humano. "Existem vários casos de empresas rurais que compraram um RPA e não está em uso, pois não houve investimento na mão de obra qualificada."

 



Fonte: Assessoria de Imprensa/Senar-MT
 

VEJA TAMBÉM
Programa Campo Aprendiz inicia turma em Querência com 80% de mulheres
Sindporto e Senar-MT concluem primeiro treinamento de 2020
Senar-MT disponibiliza em seu portfólio mais dois treinamentos de drone
Em 2019 houve um aumento de 223.80% no número de treinamentos realizados nos CTs
 
Veja mais notícias

Buscar Cursos
 
 POR TIPO DE CURSO
 
 
  POR CIDADE
 
 
 
Formação Profissional Rural
 
 
Promoção Social
 
 
 
 
 
 
(65)3928-4800
SENAR-MT 2014 - Todos os direitos reservados
Política de Privacidade
senar@senarmt.org.br
 
Rua Eng. Edgard Prado Arze, sn, Qd 01
Setor A - Centro Político Administrativo
CEP 78.049.015 - Cuiabá-MT