Sistema Famato
FAMATO
IMEA
       
Fale Conosco
 
   
 
 
05 de Nov de 2015

voltar
 
NOVEMBRO AZUL
Senar-MT incentiva campanha de prevenção à saúde do homem
 
Divulgação
 

De cada cinco homens no mundo, um vai ter câncer de próstata. O dado alarmante foi apresentado pelo médico urologista, Carlos Evaristo Metello, responsável pela equipe do Hospital de Câncer de Mato Grosso. "Costumamos dizer que o câncer de próstata é como se fosse uma epidemia. Se pegarmos um grupo de cinco homens entre 50 a 80 anos, um apresentará o diagnóstico. Isso não significa que todos vão morrer da doença, mas que os exames detectarão neoplasia, que é o câncer", reforça.

 

O Serviço Nacional de Aprendizagem Rural de Mato Grosso (Senar-MT) está engajado na campanha Novembro Azul. Uma das ações ocorre nas redes sociais, colaboradores compartilharam fotos com o ‘bigode’ postiço com o intuito de lembrar a todos os homens sobre a importância de cuidar da saúde e nesta quinta-feira (05.11) ouviram uma palestra ministrada por um profissional da saúde sobre os riscos e a prevenção do câncer de próstata.  

 

 

De acordo com o especialista, câncer da próstata é o segundo tipo que mais afeta homens na idade adulta. Só perde em número de casos para o câncer de pele. "Em Mato Grosso a incidência é parecida com o resto do Brasil, geralmente são descobertos cerca de 1500 novos casos no Estado por ano, e cerca de 600 destes casos estão na Capital", destaca Carlos Evaristo.

 

Uma das maiores dificuldades para se combater a doença é detectá-la precocemente, pois muitos homens ainda têm receio de fazer o exame.  "Embora exista o tabu do toque retal, é necessário fazer o procedimento. É preciso frisar que é um exame rápido e que salva vidas. Pode prevenir uma doença que deixa sequelas e leva até mesmo a morte", argumenta o médico.

 

O Dr. Carlos Evaristo Metllo fala sobre alguns mitos e verdades sobre a doença: 

 

Câncer de próstata é raro?

Não. É o segundo tipo que mais afeta homens em idade adulta. Só perde para o câncer de pele.

 

Só afeta homens idosos?

Não. Apesar de ser mais comum em homens mais velhos, jovens com carga genética precisam estar atentos

 

Há algum sintoma?

Na fase inicial, quando as chances de sucesso no tratamento são maiores, não há sintomas. Eles só aparecem com a doença mais avançada

 

Exames laboratoriais podem substituir o toque retal?

Ainda não existem exames que substituam o toque, mas sempre que é feito o exame de toque também deve ser feito o exame de sangue, chamado de PSA (Prostate Specific Antigen, em inglês ou Antígeno Prostático Específico, em português), os dois juntos podem ajudar o médico a diagnosticar os casos do câncer de próstata na fase mais precoce possível 

 

Toque dói?

O exame de toque não dói. É rápido, leva de cinco a 10 segundos

 

A doença é hereditária?

Existe sim uma alta responsabilidade de carga genética. Homens com parentes de 1º e 2º graus acometidos pela doença são mais propensos a doença. Mas isto não significa dizer que se um pai tem câncer de próstata todos os filhos terão, da mesma forma que se o pai não tem câncer de próstata seus filhos não correm risco de ter a doença.

 

Quais são alguns cuidados de prevenção da doença?

A prevenção do câncer de próstata, assim como dos outros cânceres, é algo que deve ser feito diariamente. Aconselhamos a pessoa a ter hábito saudáveis, com atividade física, boa alimentação. Sabemos que a doença não tem relação nem com cigarro nem álcool, mas uma vida saudável sempre leva a uma prevenção.

   

SENAR Brasil - O Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (SENAR) aderiu ao movimento Novembro Azul, que chama atenção para a realidade do câncer de próstata e a importância do diagnóstico precoce com campanhas de conscientização realizada durante todo o mês. 

 

A campanha Novembro Azul foi criada em 2012 pelo Instituto Lado a Lado pela Vida e mobiliza municípios de todo o Brasil, colorindo cartões-postal de azul e levando mensagem de conscientização em apoio à ação. O SENAR firmou parceria com o Instituto Lado e Lado para disseminar em seus cursos os mais diversos materiais informativos na área de saúde, como cartilhas, folders e vídeos, em 2016.



Fonte: Gecom Senar-MT
 

VEJA TAMBÉM
Pecuaristas se preparam para 2ª etapa de vacinação contra brucelose
 
Veja mais notícias

Buscar Cursos
 
 POR TIPO DE CURSO
 
 
  POR CIDADE
 
 
 
Formação Profissional Rural
 
 
Promoção Social
 
 
 
 
 
 
(65)3928-4800
SENAR-MT 2014 - Todos os direitos reservados
Política de Privacidade
senar@senarmt.org.br
 
Rua Eng. Edgard Prado Arze, sn, Qd 01
Setor A - Centro Político Administrativo
CEP 78.049.015 - Cuiabá-MT