Sistema Famato
SENAR
IMEA
       
Fale Conosco
 
   
 
 
27 de Nov de 2020

voltar
 
LIVE
Guia do Investidor 2020 auxilia a diversificação dos investimentos no agro mato-grossense
Ascom Famato
 

Mato Grosso tem capacidade para intensificar ainda mais a produção de milho e carnes, diversificar a industrialização dos produtos agrícolas e cultivos de pulses, além de demandar investimentos em armazenagem. É o que consta no Guia do Investidor 2020 lançado na quinta-feira (26/11) pelo Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea).

 

O Guia do Investidor 2020 está no formato e-book e foi dividido em 10 capítulos, tendo um total de 182 páginas. A publicação digital está na segunda edição e traz a análise das principais cadeias produtivas e oportunidades de crescimento.

 

O conteúdo, voltado produtores rurais e para quem pretende investir no agronegócio mato-grossense, apresenta uma seleção de destaque de cada uma das cadeias analisadas pelo instituto. A edição mostra números do atual cenário do mercado.

 

O guia revelou que em 2019 a estimativa de investimentos no agro mato-grossense foi de R$ 26,1 bilhões. Deste montante, R$ 7,7 bilhões foram concluídos e R$ 18,4 bilhões anunciados no estado.

 

Dos R$ 26,1 bilhões, R$ 15,8 bilhões dos investimentos no agronegócio em Mato Grosso foram destinados à agroindústria em 2019. A participação do setor privado foi de aproximadamente 95% dos investimentos totais, representando ao todo R$ 24,7 bilhões, mais que o dobro do registrado em 2018.

 

Dos investimentos destinados ao Mato Grosso em 2018 e 2019, R$ 41,6 bilhões foram oriundos do Brasil e R$ 1,8 bilhão de outros países do mundo.

 

Para a analista de Conjuntura Econômica do Imea, Vanessa Gasch, a demanda mundial por alimentos está acontecendo e o mundo espera que o Brasil atenda. “Mato Grosso é o estado que tem maior potencial pelas áreas de aptidão agrícola. Podemos ainda crescer as áreas de agricultura sobre as áreas de pastagens sem diminuir a produção de carne, tendo em vista que o pecuarista tem se tecnificado e intensificado cada vez mais a produção. Então acreditamos que o estado é capaz de atender essa demanda mundial por alimentos que tendem a crescer nos próximos anos”, informou Vanessa.

 

Na live de lançamento do guia foram apresentadas algumas cadeias que se destacam pelo potencial de crescimento no estado, sendo elas o milho, carnes, biocombustíveis, pulses e armazenagem.

 

Milho – Na safra 2018/19, o Brasil produziu 100,04 milhões de toneladas de milho em uma área de 17,49 milhões de hectares, revelando um aumento de 2,7% e 14,2%, respectivamente, em relação à safra anterior.

 

Mato Grosso, que é o maior produtor de milho do país, participou com 32,4% na produção total do cereal.

 

Nos últimos 10 anos a produção de milho no estado cresceu de forma robusta. O incremento ocorreu em virtude do aumento da área de soja, tendo em vista que o milho é produzido em sua maioria como segunda safra, e também pelo aumento na demanda interna e mundial pelo cereal.

 

Carne – A demanda mundial de carne bovina cresceu 7,2% nos últimos 10 anos, totalizando 59,6 milhões de toneladas. O Brasil é líder mundial de exportações de carne bovina.

 

A produtividade mato-grossense aumentou nos últimos anos. O estado tem produzido mais carne com praticamente o mesmo rebanho e em menor área. Em 2019, o total produzido pelo estado foi de 1,52 milhão de toneladas, uma alta de 9,05% no comparativo com o ano anterior, visto que na época o volume foi de 1,39 milhão de toneladas.

 

Biocombustíveis – Desde a instalação da primeira usina full de etanol de milho no estado, em 2017, a produção do biocombustível não parou de crescer em Mato Grosso. Além do aumento da produção de milho, os investimentos na instalação de novas usinas no estado contribuíram para esta alta. O estado também tem potencial para aumentar a produção de biodiesel, por meio do óleo de soja. Mato Grosso já se caracteriza como um importante produtor de biodiesel do país, contribuindo com 21% da produção nacional. É esperado para os próximos 10 anos um incremento expressivo, tendo em vista o aumento da mistura obrigatória de biodiesel sobre o diesel no Brasil.

 

Pulses – Nos últimos 10 anos, a produção de pulses no mundo cresceu 27%. Em 2020, projeções da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) indicam que a oferta mundial pode alcançar 89,54 milhões de toneladas. Nos próximos anos, diante do aumento mundial da população e a adição na renda das famílias, é esperado que esse consumo aumente ainda mais. No Brasil, o principal pulse produzido é o feijão, devido à grande demanda.

 

Na última década, a área de feijão em Mato Grosso cresceu 6,7%, alcançando 222,1 mil hectares, com destaque para a segunda safra que atualmente representa a maior parte das áreas semeadas.

 

Estima-se que a produção do feijão mato-grossense alcance 329,6 mil toneladas na safra 2020/21 e uma produtividade média de 24,7 sc/ha.

 

Armazenagem – Atualmente, Mato Grosso registra a maior capacidade de armazenagem do país. Contudo, o estado ainda registra um déficit de quase 27 milhões de toneladas. Para as próximas safras, com o incremento na produção de grãos, a necessidade de armazenagem também irá aumentar.

 

A live foi mediada pelo gestor de Inteligência de Mercado, Cleiton Gauer, e teve a participação do superintendente do Imea, Daniel Latorraca, e da analista de Conjuntura Econômica, Vanessa Gasch.

 

Para assistir a live na íntegra acesse o link: https://www.youtube.com/watch?v=Vnnxf7DzVik&feature=share&ab_channel=IMEA.

 

O Guia do Investidor está disponível para aqueles que já estão cadastrados no Imea Digital. Quem não estiver cadastrado é só fazer um cadastro no portal do instituto https://portal.imea.com.br/#/login. São dois formatos, um público para usuários do site e o privado para os parceiros do instituto.

 

 



Fonte: Ascom Famato
 

VEJA TAMBÉM
Imea aponta perspectivas positivas para o mercado de soja e milho em MT
Imea lança Guia do Investidor 2020 nesta quinta-feira
Mato Grosso é o estado que mais busca financiamento do Programa ABC
Aliança Agroeconômica apresenta resultados do 3º trimestre de 2020
 
Eventos

nenhum evento com foto
 
Cenarium Rural
 
Galeria Multimídia
Videos
Fotos
Bom dia Senar Retificação do CAR
Senar-MT Responde Nota Avulsa Eletrônica
Bom dia Senar Composição de Dívidas
 
 
       
 
   webmail   
 
e-Famato   
 
(65) 3928-4400
famato@famato.org.br
 
Rua Eng. Edgard Prado Arze, s/n
Centro Politico Administrativo
CEP 78.049.908 - Cuiabá-MT