Sistema Famato
FAMATO
IMEA
       
 
   
 
 
12 de Abr de 2019
 
RECURSOS HÍDRICOS
Sindicato Rural de Cáceres compõe Fórum Nacional e Estadual de Bacias Hidrográficas
 
Sindicato Rural
 

A 4ª Reunião do Fórum Estadual de Comitês de Bacia Hidrográfica de Mato Grosso (FECBH-MT), promovida nos dias 10 e 11 de abril, no auditório do Parque Estadual Massairo Okamura, em Cuiabá, teve a participação de representante do Sindicato Rural de Cáceres – membro do Comitê de Bacia Hidrográfica do Rio Cabaçal e Comitê de Bacia Hidrográfica do Rio Jauru.

 

Os Comitês do Rio Cabaçal e Jauru são órgãos colegiados vinculados ao Sistema Estadual de Recursos Hídricos do Estado de Mato Grosso. Atuam como fóruns de debate e deliberam sobre questões relacionadas ao uso dos recursos hídricos e consciente da água. A abrangência do Rio Cabaçal é de 10 municípios (Araputanga, Barra do Bugres, Cáceres, Curvelândia, Lambari D’Oeste, Reserva do Cabaçal, Rio Branco, Salto do Céu e São José dos Quatro Marcos). Já o Comitê do Rio Jauru, compreende 12 municípios (Araputanga, Curvelândia, Cáceres, Figueirópolis D’Oeste, Glória D’Oeste, Indiavaí, Jauru, Mirassol D’Oeste, Porto Esperidião, Reserva do Cabaçal, São José dos Quatro Marcos e Tangará da Serra.

 

Durante o encontro foram renovados os membros do Comitê de Bacia Hidrográfica da Margem Esquerda do Rio Cuiabá e do Rio Cabaçal. No Fórum Nacional de Fortalecimento dos Comitês de Bacias Hidrográficas foram escolhidos os representantes dos três segmentos: Poder Público, sociedade civil e usuário. A produtora rural de Cáceres, Ida Beatriz Machado de Miranda Sá, foi eleita suplente do segmento de usuários.

 

“Para o setor produtivo rural é de suma importância a participação nos debates do comitê, tanto estadual como nacional, tendo em vista que nós enquanto setor estamos diretamente relacionados. A importância da água, em uso múltiplo, tem que atender toda a sociedade, e isso compromete a quantidade, disponibilidade e qualidade dessa água. E a pergunta é, nós produtores, consumidores, como podemos contribuir para o melhor uso desses recursos hídricos, e de forma consciente. Pequenas ações de drenagens em estradas, na propriedade rural, e entre outros, podem fazer a diferença. Enfim, os assuntos abordados no Fórum foram bastante salutares. É um fórum plural, onde todos os representantes têm voz”, esclareceu Ida Beatriz.

   

Foram apresentados aos membros de comitê temas como o Programa Nacional de Fortalecimento dos Comitês de Bacias Hidrográficas (Procomites); Plano de Capacitação em Recursos Hídricos; Análise de Conflito por uso de Recursos Hídricos na área de atuação do Comitê da Margem Esquerda do Rio Cuiabá; a experiência do Comitê do Alto do Teles Pires; Ações do Comitê do Sepotuba para a produção de água, entre outras.

 

Os membros ainda participaram de um treinamento de Media Training, orientados pela assessoria de comunicação da Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema) sobre a importância da comunicação pública, relacionamento com a imprensa e a conduta dos órgãos nas redes sociais, sempre levando em consideração os tipos de informação: institucionais, gestão, utilidade pública, interesse privado, mercadológicas, prestação de contas e dados públicos.

 

Cáceres – Com o objetivo de nivelar o conhecimento e mobilizar a sociedade, no dia 21 de maio, o Comitê de Bacias Hidrográficas do Rio Jauru,  em parceria com o  Sindicato Rural de Cáceres e outras entidades, irá realizar o primeiro encontro no município. A  programação será divulgada nos próximos dias.   

 



Fonte: Ascom Famato