Sistema Famato
FAMATO
IMEA
       
 
   
 
 
27 de Out de 2015
 
SEGURANÇA
Sindicatos Rurais do nordeste de MT pedem celeridade no combate a roubos de gado e defensivo
 
Sindicato Rural
 

Os índices de roubos de gado e de defensivos agrícolas seguem crescendo e preocupam os pecuaristas de Mato Grosso, especialmente nos municípios do nordeste do estado. Os crimes têm deixado a população em alerta nas localidades da região. Dezenas de animais já foram furtados de várias propriedades nos últimos meses. Proprietários rurais têm se mostrado preocupados com a onda de roubos ocorridos em casas e fazendas.

 

Em razão disso, presidentes de Sindicatos Rurais (SR) se mobilizaram na segunda-feira (26) e fizeram uma reunião com representantes da Polícia Militar (PM), Polícia Judiciária Civil (PJC), produtores rurais e presidentes de Sindicato. O encontro aconteceu no Sindicato Rural de Confresa.

 

O encontro teve a presença do vice-presidente do SR de São José do Xingu Fernando Tulha Filho, presidente do SR de Confresa Birajá Meireles Capuzzo, os membros da diretoria do SR de Vila Rica Eduardo Ribeiro e Marcelo, o presidente de Santa Cruz do Xingu Otalécio de Sá, o supervisor regional do Senar-MT Rodrigo Garcia, o 2° Tenente da PM Matheus Carolo, soldado da PM Rafael Melo, o delegado da PJC André Rigonato, o investigador da PJC Adão Delgado e o produtor rural Valmor.

 

O objetivo foi cobrar das autoridades de segurança pública da região um posicionamento de como estão os andamentos dos processos em tramitação nas delegacias e no Fórum da Comarca de Porto Alegre do Norte, para onde são encaminhadas as ocorrências dos municípios de São José do Xingu, Confresa e Porto Alegre do Norte.

 

Medidas de segurança orientadas pelo delegado têm sido tomadas pelos donos de fazenda, tais como: instalação de câmeras de segurança, guaritas nas entradas das propriedades, contato direto com as delegacias e sobretudo, conhecimento dos funcionários, visto que os roubo de gado, na maioria dos casos, tem participação de pessoas ligadas à propriedade.

 

O próximo passo será uma audiência com a Juíza da Comarca de Porto Alegre do Norte, com o intuito de pedir celeridade nos processos e a garantia de segurança dos produtores rurais e familiares.


 
De acordo com Fernando Tulha os Sindicatos Rurais estão unidos na missão de agregar esforços, com a finalidade de intensificar as cobranças junto às autoridades para que todas as ocorrências sejam concluídas. "Não permitiremos que essas práticas alcancem níveis maiores de ocorrências", reforçou Tulha.


 
Tulha ainda destacou que tanto a PM no comando do tenente coronel Castelo, como a Polícia Civil estão desempenhando suas funções a contento, atendendo os casos, autuando e conduzindo as ocorrências aos Fóruns competentes.

 

Os Sindicatos Rurais de Confresa, São José do Xingu, Vila Rica, Santa Cruz do Xingu e outros 85 Sindicatos Rurais, a Famato, o Senar-MT e o Imea formam o Sistema Famato. Acompanhe nossas redes sociais: www.facebook.com/sistemafamato (facebook) e @sistemafamato (twitter e instagram). #Famato50anos

 

 

 



Fonte: Ascom Famato