Sistema Famato
FAMATO
IMEA
       
Fale Conosco
 
   
 
 
12 de Mai de 2020

voltar
 
APOIO AO PRODUTOR
ATeG do Senar-MT começa a retomar as visitas presenciais às propriedades assistidas
 
Fazenda Americana em Poconé
 

Nesta semana, os técnicos de campo da equipe de Assistência Técnica e Gerencial (ATeG) do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural de Mato Grosso (Senar-MT) começaram a retomar as visitas presenciais às propriedades assistidas em cerca de 20 municípios mato-grossenses. Estes encontros são realizados depois de uma conversa com o produtor e a autorização dele para que o técnico da instituição entre na propriedade.

Neste momento, a equipe do Senar-MT tem observado e respeitado decretos locais, orientações do Ministério da Saúde e do Governo de Mato Grosso. Para esses encontros são adotadas medidas de prevenção e combate à pandemia do coronavírus.

"Os técnicos mais que entregar o kit contendo máscaras, álcool em gel e detergente para os produtores, também orientam sobre a importância de lavar as mãos, higienizar o local de trabalho com frequência, utilizar as máscaras e evitar aglomerações", explica o coordenador de ATeG, do Senar-MT, Armando Urenha.

Mesmo no período de isolamento social em Mato Grosso, a equipe da ATeG seguiu assistindo os produtores de forma remota, ou seja, por telefone, whattsap ou por webconferência. "Este tipo de assistência sempre foi feito. Nossos técnicos sempre conversavam com frequência com os produtores por whatsapp ou por telefone, mas só com o isolamento social é que percebemos que esta é uma ferramenta muito importante para o nosso trabalho".

Em Mato Grosso são cerca de 600 propriedades que recebem assistência técnica do Senar-MT, em 20 municípios. "Ofertamos assistência para as cadeias produtivas da bovinocultura de corte e de leite e também da horticultura", diz o supervisor dos técnicos de campo, Túlio Marçal. "Para a cadeia produtiva da horticultura já podemos perceber um impacto na perda da produção e também na queda de preços", acrescenta.

Já o supervisor da ATeG, Marcelo Augusto Nogueira diz que na área de bovinocultura de corte, está sendo feito um levantamento com os produtores assistidos para verificar o impacto da pandemia. "Temos recebido muitas solicitações de visitas e muitos produtores preocupados com a legislação ambiental e diversos outros assuntos".

A equipe da ATeG conta que os produtores que têm pessoas que fazem parte do grupo de risco na propriedade ainda não querem receber pessoas de fora ou estranhos. E, estes continuam recebendo o apoio técnico virtual.



Fonte: Assessoria de Imprensa/Senar-MT
 

VEJA TAMBÉM
Assistência Técnica e Gerencial do Senar-MT completa cinco anos
Família Ferreira Rodrigues teve a vida transformada depois de receber assistência técnica
Senar lança guia de prevenção ao coronavírus para profissionais de ATeG
Com assistência Técnica do Senar-MT produtores de frutas aumentam produção e rentabilidade
 
Veja mais notícias

Buscar Cursos
 
 POR TIPO DE CURSO
 
 
  POR CIDADE
 
 
 
Formação Profissional Rural
 
 
Promoção Social
 
 
 
 
 
 
(65)3928-4800
SENAR-MT 2014 - Todos os direitos reservados
Política de Privacidade
senar@senarmt.org.br
 
Rua Eng. Edgard Prado Arze, sn, Qd 01
Setor A - Centro Político Administrativo
CEP 78.049.015 - Cuiabá-MT