Sistema Famato
FAMATO
IMEA
       
Fale Conosco
 
   
 
 
30 de Mai de 2019

voltar
 
CAPACITAÇÃO
Mercado de VANTs e Drones é promissor e demanda mão de obra qualificada
 
Thamylon Camilo
 

Esta semana, mais uma turma foi capacitada para atuar no mercado de Veículos Aéreos não Tripulados (VANT) – Drone, em Porto Alegre do Norte. A cada dia que passa, estes equipamentos ganham mais e mais espaço no setor do agronegócio brasileiro. Estima-se que 25% do faturamento mundial dos VANTs e Drones seja para a agricultura.

Estes equipamentos têm as mais variadas funções nas mais diversas cadeias produtivas. Com isso, aumenta também a necessidade de mão de obra qualificada. O mercado é promissor e os profissionais estão em busca de capacitação.

Este é o caso do técnico agrícola, Anderson Betto Camargo, de 33 anos. Ele conta que tem um drone e que já utiliza no seu dia a dia. "Como as mudanças chegam com muita rapidez neste nosso setor precisamos estar sempre nos atualizando", destaca. Camargo acrescenta ainda que para se manter no mercado é preciso estar sempre estudando.

Para atender esta demanda crescente de capacitação de mão de obra para o setor de operação de Vants e drones, o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural de Mato Grosso (Senar-MT) oferece o treinamento de Operação de Veículos Aéreos não Tripulados – Drone. Com carga horária de 16 horas, o curso tem como objetivo mostrar aos participantes como se opera drone e vants, conforme técnicas de instrução.

Para se inscrever, o participante precisa apresentar uma declaração da Empresa Rural com registro de Imposto sobre a Propriedade Territorial Rural (ITR), ou comprovante de Contribuição Sindical ou ainda o Certificado de Cadastro do Imóvel Rural (CCIR). Em caso de produtor arrendatário, apresentar o Contrato de Arrendamento.

O conteúdo deste treinamento é bem extenso. Dentre os diversos temas abordados está o conceito de drone, definição, origem e evolução tecnológicas do equipamento VANT e boas práticas de voo. Além disso, também está em pauta assuntos como Regras da Agência Nacional de Aviação Civil (NAC) e legislação vigente.

Os interessados em fazer o treinamento devem procurar o Sindicato Rural de seu município para verificar se há turmas e se há vagas.

Conheça algumas funções do drones na agricultura

Análise da plantação - serve para análise da plantação e para detectar pragas e doenças, falhas no plantio, excesso ou falta de irrigação e afins. Com a altura necessária, também é possível analisar a coloração das plantas.

Demarcação de plantio - O drone é ideal para apresentar a melhor área para plantio, devido à visão do alto proporcionada, facilitando decisões de forma fácil e ágil, após análises feitas nas imagens captadas.

Monitoração de desmatamento - Por meio do sobrevoo, é oferecida uma visão ampliada de lugares que se encontram distantes e com difíceis acessos. Sendo assim, com esses aparelhos, é possível chegar a locais de desmatamentos e, com a localização correta, combatê-los.

Focos de incêndio - A proximidade do fogo pode oferecer risco para humanos, por isso, os drones podem sobrevoar os incêndios e descobrir os focos do fogo e, com isso, controlá-los.

Custo-benefício do uso de drones na agricultura - a tecnologia pode ajudar no controle de custos da propriedade, tendo em vista que o produtor rural realiza, por toda a fazenda, a aplicação de defensivos a fim de combater pragas e ervas daninhas. Por meio do uso de drones na agricultura e sua tecnologia de monitoramento, é possível identificar a área atingida precisamente, representando, segundo especialistas, uma economia de até 80% nos gastos com tais tipos de agroquímicos.

O retorno sobre o investimento de uso de drones na agricultura é, em diversos casos, muito rápido, alcançando um determinado número positivo em uma colheita apenas. Isso ocorre devido à prevenção de grandes perdas em consequência de um plano de ação incorporado. Além de reduzir o custo operacional, os drones possibilitam uma gestão de dados e informações da plantação garantida, com detalhes, facilitando e agilizando decisões.

Fonte: Instituto de Tecnologia Aeronáutica Remotamente (ITARC)



Fonte: Assessoria de Imprensa/Senar-MT
 

VEJA TAMBÉM
Parcerias garantem aumento no número de capacitações
Mais de 200 ações para preparar profissionais que vão atuar na administração da propriedade
Faculdade CNA cria oportunidades para o mercado de gestão de pessoas
Inaugurado Núcleo Avançado de Capacitação em Diamantino nesta terça (28.05)
 
Veja mais notícias

Buscar Cursos
 
 POR TIPO DE CURSO
 
 
  POR CIDADE
 
 
 
Formação Profissional Rural
 
 
Promoção Social
 
 
 
 
 
 
(65)3928-4800
SENAR-MT 2014 - Todos os direitos reservados
Política de Privacidade
senar@senarmt.org.br
 
Rua Eng. Edgard Prado Arze, sn, Qd 01
Setor A - Centro Político Administrativo
CEP 78.049.015 - Cuiabá-MT