Sistema Famato
SENAR
IMEA
       
Fale Conosco
 
Projeto Rentabilidade no meio Rural em MT
Conexão Agruhub - Editais para Startups e Empresas
Fique informado com o Famato em Campo
   
 
 
09 de Out de 2017

voltar
 
FUTUROS PRODUTORES
Sistema Famato forma a 5ª turma do programa Futuros Produtores do Brasil
Ascom Famato
 

A Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso (Famato) e o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar-MT) realizaram no sábado (07/10) a formatura dos 29 participantes do programa Futuros Produtores do Brasil – turma 2017. Criado em 2013, o programa já formou cinco turmas, com aproximadamente 135 participantes. O objetivo é despertar nos jovens a paixão pelo campo e apresentar as inúmeras oportunidades de carreiras relacionadas ao agronegócio, preparando-os para assumir os negócios da família.

 

“Investimos na capacitação e formação de jovens líderes porque acreditamos na sucessão familiar, no potencial desses jovens e nas inúmeras oportunidades que o agronegócio proporciona para os produtores rurais, sociedade, estado e para a economia do Brasil. Acreditamos que mais de 93% dos participantes devem continuar no campo”, disse o diretor de Relações Institucionais da Famato Jose Luiz Fidelis.

Nos quatro módulos do projeto, com uma jornada de 80 horas, os jovens tiveram a oportunidade de participar de palestras técnicas e vocacionais, dinâmicas em grupo, visitas técnicas em propriedades rurais de Mato Grosso, na empresa norte-americana Archer Daniels Midland (ADM), instalada em Santos, litoral de São Paulo, estação da Basf e a Casa Bugre em Campinas-SP e na Bolsa de Valores B3 (antiga Bovespa), em São Paulo.

 

Durante os encontros, os jovens desenvolveram o projeto Agro Social. Em grupos ou individualmente as ideias foram surgindo e os trabalhos foram desenvolvidos em forma de um trabalho de conclusão de curso que foi apresentado no encerramento. Na plateia os pais assistiram as apresentações e tiveram a oportunidade de fazer perguntas e críticas construtivas.

 

Foram 15 projetos de temas diferentes, entre eles estão: Profissionalização dos produtores rurais; Hortcon (hortas nas escolas e reaproveitamento de sobra de alimentos); Armazenamento de grãos comunitário; Difusão do cooperativismo para agricultores familiares; Melhoramento ou correção de pastagens; Ajuda que vem do campo; Implantação de sistema de reflorestamento em Reserva Legal; Recuperação de parte das margens do córrego Mutum; Leite Verde; Melhoramento genético do rebanho leiteiro de Mato Grosso; Assistência técnica e universitária em pequenas propriedades; Estudo de viabilidade econômica – Sistema Compost Barn em Tapurah; Otimização da distribuição das áreas assentadas; Horta na escolas para crianças e Contribuição Sindical e uma nova forma de obtenção de renda – Aliança na Terra.

 

Após as apresentações os jovens receberam das mãos do diretor de Relações Institucionais e do superintende do Senar-MT Otavio Celidonio o certificado de conclusão do programa.

 

Celidonio disse que o Futuros Produtores do Brasil é um projeto muito importante para o Sistema Famato. “É um prazer para nós do Senar-MT poder contribuir para a certificação de mais uma turma de um projeto que é muito importante para o Sistema Famato”, disse Celidonio ao contar um pouco da sua experiencia desde que iniciou as atividades no sistema, há 10 anos, começando no cargo de analista do Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea) até chegar ao de superintendente do Senar-MT. 

 

Na cerimônia de entrega dos certificados alguns pais se emocionaram ao contar a transformação dos filhos e o interesse deles pelos negócios da família após se ingressarem no programa.

 

Odisseia Brunetta, mãe do participante Leonardo Brunetta de Primavera do Leste, disse que o filho nunca havia demonstrado interesse pela lavoura. “O avô do Leonardo sempre sonhou que ele, por ser o primeiro neto menino, fosse ter paixão pelas atividades da fazenda, mas quando ele ia ficava o tempo todo na frente da televisão. Então eu pensava: esse menino vai ser tudo na vida menos agricultor. Resumindo, ele nos surpreendeu. O primeiro passo foi um intercâmbio no Canadá, quatro anos atrás, onde conviveu com uma família de agricultores e agora a participação no Futuros Produtores do Brasil. Hoje eu vejo ele no meio de vocês, se apaixonando cada vez mais pelo agro e isso é para mim e para o pai dele motivo de orgulho. Estamos muito felizes de ver nosso filho interessado pelos negócios da família e devemos isso ao Sistema Famato que acreditou nele e em todos os jovens. Espero que esse projeto continue para que outros filhos possam orgulhar seus pais”, relatou Odisséia emocionada. 

  

A jovem Mauriely Lauro, de Tabaporã, disse que a experiência foi enriquecedora. “Mais que participar eu vivi esse projeto. Foi para mim uma experiencia incrível que vou levar por toda minha vida, tanto pessoal como profissional. Aqui eu aprendi, ensinei e fiz amigos. Tudo valeu a pena”, disse.

 


 



Fonte: Ascom Famato
 

VEJA TAMBÉM
AgriHub cria edital permanente para a participação de empresas e startups
Sistema Famato estreita relacionamento com universidades americanas
Prazo para adesão ao Refis-MT é prorrogado para 11 de novembro
Famato cobra a criação de varas especializadas do agronegócio
 
Eventos

nenhum evento com foto
 
Cenarium Rural
 
Galeria Multimídia
Videos
Fotos
A produção de etanol a partir do milho
MT tem potencial e visibilidade economica
TV Band - Imea divulga estudo
 
 
       
   FWS   
 
   webmail   
 
e-Famato   
 
(65) 3928-4400
famato@famato.org.br
 
Rua Eng. Edgard Prado Arze, s/n
Centro Politico Administrativo
CEP 78.049.908 - Cuiabá-MT