Sistema Famato
SENAR
IMEA
       
Fale Conosco
 
   
 
 
19 de Set de 2017

voltar
 
RELAÇÕES INTERNACIONAIS
Famato e embaixada da Alemanha podem ser parceiras no fomento ao cooperativismo rural
Ascom Famato
 

Em missão oficial por Mato Grosso, o embaixador da Alemanha no Brasil Georg Witschel ficou surpreso com os dados e com a eficiência do produtor mato-grossense. Witschel vislumbrou uma futura parceria entre a Famato e o país europeu. Segundo ele, o Ministério da Agricultura da Alemanha desenvolve projetos de apoio ao cooperativismo que podem ser implantados em Mato Grosso.

 

 “Essa é uma ideia que nasce aqui nesta sala, durante a nossa conversa. De um lado há mais de seis mil produtores mato-grossenses e do outro poucas empresas para comprar a produção do estado. Acredito que podemos trabalhar para fomentar o sistema de cooperativas buscando melhores oportunidades para os produtores negociarem”, informa Wistchel.

 

O embaixador foi recebido pelo presidente em exercício da Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso (Famato), Francisco Olavo Pugliesi de Castro, pelos diretores de Relações Institucionais, José Luiz Fidelis, e Administrativo e Financeiro, Vilmondes Tomain. O superintendente do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural de Mato Grosso (Senar-MT) Otávio Celidonio e o gestor de Projetos do Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea), Paulo Ozaki. O encontro aconteceu na tarde de segunda-feira (18/09), na sede da entidade.

 

O presidente em exercício da Famato reforça a importância do fomento do cooperativismo em Mato Grosso e a satisfação com a possibilidade de fechar uma parceria com o país europeu. “A Alemanha é um país de primeiro mundo com grande conhecimento sobre o sistema de cooperativas. Sabemos que cooperativismo em Mato Grosso ainda está muito tímido e deve ser fomentado porque no futuro será uma ferramenta imprescindível para o produtor rural. Unir essa nossa necessidade com a experiência alemã é uma boa oportunidade”, comenta Castro.

 

Witschel assumiu a embaixada alemã no Brasil há pouco mais de um ano e conta que quer visitar os estados brasileiros que são importantes para as relações econômicas, comerciais e políticas entre o Brasil e a Alemanha. “Mato Grosso com certeza é um desses estados, porque além da Alemanha consumir soja e milho do estado, nós, alemães, vemos em Mato Grosso um grande mercado para a nossa indústria de máquinas e implementos agrícolas”.

 

Durante a reunião, o gestor do Imea Paulo Ozaki fez uma apresentação sobre a produção agropecuária de Mato Grosso, o escoamento dessa produção, a balança comercial, os desafios do setor e as tendências e perspectivas em médio e longo prazos.

 

 



Fonte: Ascom Famato
 

VEJA TAMBÉM
Sistema Famato recebe visita de produtores rurais argentinos
Fazendas inscritas no Prêmio Sistema Famato em Campo 2018 recebem visita técnica
Chineses da província de Shaanxi conhecem produção agrícola e pecuária de Mato Grosso
Visita técnica diminui a distância entre produtor e consumidor de tecnologias
 
Eventos
16ª Expotapurah
20ª Expocas
15ª Expoband
 
Cenarium Rural
 
Galeria Multimídia
Videos
Fotos
Bom dia Senar MT - Sobre Funrural
A produção de etanol a partir do milho
MT tem potencial e visibilidade economica
 
 
       
 
   webmail   
 
e-Famato   
 
(65) 3928-4400
famato@famato.org.br
 
Rua Eng. Edgard Prado Arze, s/n
Centro Politico Administrativo
CEP 78.049.908 - Cuiabá-MT